Tecnologia utilizada pela Coopercam irá concorrer ao 1º Prêmio ABRFID

Tecnologia utilizada pela Coopercam irá concorrer ao 1º Prêmio ABRFID

A armazenagem do café exige eficácia e a tecnologia utilizada pelas cooperativas para esse sistema é a identificação por radiofrequência, um método de identificação automática através de sinais de rádio, que recupera e armazena dados remotamente através de dispositivos denominados etiquetas RFID. Na Coopercam, desde 2015, o RFID é utilizado em conjunto com um software intitulado Agrocoffee, que aumenta a precisão em seus estoques.

O programa acima capta as informações coletadas pelo RFID e produz dados para consultas e operações na Coopercam.  Através do RFID, é possível endereçar e localizar um BAG dentro de um armazém ou mais, por exemplo. O software ajuda nos filtros de buscas e relatórios para a gestão do armazém, principalmente para mudança de endereço dos BAG´s e para a formação de ligas de café para embarque. Com o software é possível visualizar a posição do BAG a partir de um mapa gráfico que o sistema oferece, verificar o tipo de café, classificação e certificação.  Esse sistema utilizado pela Coopercam chamou a atenção da imprensa especializada e foi tema de matérias no Canal Rural e no RFID Journal Brasil, entre outras mídias.

A Associação Brasileira de RFID (Radio Frequency Identification), entidade representante da indústria brasileira de produtos, insumos e serviços que promove o crescimento sustentável do setor, irá premiar, em 2017, as melhores implementações de seus associados, dentro dos critérios de originalidade e impacto no mercado. E o sistema utilizado pela Coopercam foi selecionado para concorrer ao 1º Prêmio ABRFID.

O Conselho de Jurados para a escolha dos premiados será formado por professores de universidades brasileiras, com reconhecida atuação em pesquisas e trabalhos em Identificação por Radiofrequência (RFID) e Internet das Coisas (IoT, do inglês, Internet of Things). A cerimônia de premiação ocorrerá no 31 de agosto, em São Paulo.

“Estamos contentes com essa escolha, pois isso mostra que a Coopercam está sempre preocupada em tornar cada vez mais eficiente os processos de armazenagem. Essa tecnologia não ajuda somente os colaboradores no dia a dia do armazém, mas principalmente os cooperados, que podem ter a garantia de um trabalho executado com qualidade”, comenta Tarcísio Rabelo, presidente da Coopercam. 

Por Eliana Sonja.