Mercado de suco de laranja deve se equilibrar em 2019

Mercado de suco de laranja deve se equilibrar em 2019

A tendência é de que o mercado de suco de laranja esteja mais equilibrado no ano de 2019, depois de um 2018 que permitiu repor estoques e aumentar a produção de FCOJ e NFC. De acordo com o relatório de expectativas do agronegócio para 2019, realizado pelo Rabobank, a cadeia citrícola brasileira obteve bons resultados ao longo de 2018 com exportações em alta e preços em patamares elevados.  

“Porém, o custo da fruta também foi elevado e limitou a rentabilidade para alguns processadores, já os produtores, conseguiram bons retornos. A confirmação de uma safra de apenas 275 milhões de caixas em São Paulo no ciclo 2018/19, ajudou a manter as cotações do FCOJ e NFC em níveis elevados ao longo de 2018, apesar de recuperação moderada na Flórida e demanda em queda para o suco concentrado nos principais mercados”, diz o texto. 

Além disso, o banco indicou que as expectativas iniciais para a safra 2019/20 em São Paulo são positivas. “Após uma boa florada e chuvas entre os meses de setembro a novembro, a produção deve se recuperar em comparação com 2018/19. Apesar de muito cedo para se ter uma estimativa de safra confiável para 2019/20, parece razoável esperar uma produção acima de 300 milhões de caixas. As árvores estão em boas condições e a florada indica que a produtividade por árvore pode ser melhor em relação ao último ciclo”. 

“No final de 2018/19, os estoques globais de suco de laranja devem representar aproximadamente 14% do consumo anual, enquanto que no final de 2019/20, após o superávit esperado, o Rabobank projeta que a relação estoque-consumo deve aumentar para 18%”, conclui.

Por: AGROLINK -Leonardo Gottems/Foto DP