Após dias internado para tratar Covid-19, sargento da PM morre em Sinop

Após dias internado para tratar Covid-19, sargento da PM morre em Sinop

Vandeci estava internado desde 14 de setembro

 

Após dias internados em uma UTI, o 2º sargento PM Vandeci de Moraes se recuperou e estava prestes a receber alta da equipe médica do Hospital Regional de Sinop. Mas ele apresentou um quadro grave de infecção e voltou para a unidade intensiva. Ele não resistiu e morreu aos 42 anos, na madrugada desta segunda (12), por complicações decorrentes da Covid-19.

Segundo nota de pesar da Polícia Militar, Vandeci estava internado desde 14 de setembro. No dia seguinte, foi transferido direto para uma UTI. Na semana passada, conseguiu se recuperar e saiu da ala intensiva.

De acordo com amigos próximos da família, Vandeci chegou a falar com familiares por vídeo chamada. Ele aparentava boa recuperação e ainda tinha expectativa de receber alta hospitalar esta semana. Os amigos e familiares planejavam recebe-lo com homenagens.

Entretanto, neste domingo (11) ele apresentou um quadro grave de infecção e voltou a ser internado na UTI, onde não resistiu e veio a falecer.

Natural de Porto dos Gaúchos, Vandeci ingressou na PM em 1998, quando tinha 20 anos. Começou no posto de soldado. A partir de então, serviu na PM em diversas unidades de Mato Grosso. Em Feliz Natal, comandou o 4º Pelotão da PM por quase 10 anos.

Depois, se mudou para Sinop, lotado no 11º Batalhão da PM. Foi onde casou e fez amigos. Ele deixa a esposa, uma filha de 14 anos e um enteado.

Por ser morte por Covid, não haverá velório, conforme prevê o protocolo da pandemia. O corpo do sargento sairá do hospital hoje, às 16h30, direto para Cemitério Municipal de Sinop.

O 3º Comando Regional, por meio do 11º Batalhão de Polícia Militar de Sinop, designou policiais para acompanhar os funerais e dar assistência à família do sargento Vandeci.