Programa Embrapa & Escola continua fortalecido para 2019

Programa Embrapa & Escola continua fortalecido para 2019

Pelo Programa Embrapa & Escola de 2018 a Embrapa Meio Ambiente atendeu 1.890 estudantes em sua sede em Jaguariúna, SP, nas escolas e também durante a Semana Nacional de C&T, ocorrida em outubro, com o projeto “A Ciência dos Insetos Aquáticos” da pesquisadora Kathia Sonoda (saiba mais aqui). A maior parte dos alunos era do ensino fundamental de escolas municipais, estaduais e particulares. Alunos do ensino médio também conheceram a Unidade e participaram das palestras.

O Projeto Embrapa & Escola, oferecido pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) no Brasil, tem por objetivo despertar a consciência da ciência, tecnologia e agricultura para a melhoria da qualidade de vida da população brasileira. A Embrapa Meio Ambiente (Jaguariúna, SP) já recebeu mais de 40 mil alunos desde sua implantação, em 1997.

De acordo com a jornalista Cristina Tordin, coordenadora do Programa na Embrapa Meio Ambiente, “para 2019, as novidades são os temas sobre o setor florestal brasileiro – como e por quê surgiu, quais são os números e a importância deste segmento para o Brasil, planejado e executado por brasileiros e que alcançou muito sucesso”. Ela informa também que em 2019 o tema Mudanças climáticas: conceitos, comunicação e relação com a produção agropecuária também será explorado. “A questão das mudanças climáticas não se resume à forma como indivíduos e coletividade percebem o mundo e tomam decisões pautadas por tais percepções, mas também num mundo onde a maior parte dos fluxos materiais se dá na forma de consumo de produtos agrícolas e de bens industrializados, ofertados no mercado”, salienta ela.

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

A pesquisadora Kathia Sonoda, dentro das ações da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) de 2018, realizou palestra em 17 de outubro para 350 alunos da Escola Paulo Renato, no Paço Municipal de Ilhabela, SP; e na sede do Parque Estadual, para integrantes da Secretaria de Meio Ambiente daquele município, além de diretores/coordenadores de escolas municipais.

As palestras da pesquisadora se basearam nas informações obtidas através dos insetos aquáticos, que de acordo com suas proporções (de indivíduos taxonômicos ou de categorias alimentares) na comunidade, em determinadas situações, indicam a qualidade do ecossistema. A SNCT de 2018 teve como tema a redução das desigualdades e o papel da mulher na ciência. Dentro de sua programação foram selecionados 20 municípios nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Paraná, Sergipe e Distrito Federal para receberem as palestras.

Assim, o Programa Embrapa Escola, desenvolvido junto aos estudantes dos ensinos Fundamental e Médio de escolas públicas e particulares da região que solicitam visita, procura apresentar e discutir questões presentes no dia a dia dos estudantes e que merecem uma reflexão, com as ações educativas que estimulem a discussão e a proposição de ações concretas dentro de suas realidades e possibilidades.

Para a visitação, as escolas, públicas ou privadas, devem fazer agendamento prévio. As informações estão na página https://www.embrapa.br/meio-ambiente/responsabilidade-socioambiental

O Programa Embrapa & Escola foi criado em 1997 com o objetivo de levar conhecimentos sobre a pesquisa agropecuária brasileira a estudantes dos ensinos fundamental e médio.

Fonte:EMBRAPA/Foto