PDT confirma apoio a Mauro Mendes e define Pivetta como vice

PDT confirma apoio a Mauro Mendes e define Pivetta como vice

O ex-prefeito de Lucas do Rio Verde, Otaviano Pivetta (PDT), foi confirmado, na manhã deste sábado (28), candidato a vice-governador na chapa do pré-candidato ao Governo, Mauro Mendes (DEM).

A decisão saiu durante convenção partidária do PDT no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá. O encontro contou com as principais lideranças da sigla e do próprio DEM, como Mendes.

“É diante de Deus e de vocês, que representam quase todos os municípios desse Estado, que eu quero aqui oficialmente fazer o convite para que Otaviano Pivetta seja nosso vice-governador”, disse Mendes no evento.

O pré-candidato ao governo teceu ainda elogios a Pivetta e disse acreditar que juntos à frente de Mato Grosso irão construir um Estado melhor.

“Há um exemplo de persistência e crenças no presente e no futuro. Um grande estadista da humanidade disse que para você vencer na vida precisa de três coisas: persistência, persistência e persistência. Nossos sonhos não vão morrer. Eu, ao lado de Otaviano Pivetta vamos mostrar a Mato Grosso, como ele já mostrou em Lucas do Rio Verde e como eu já mostrei em Cuiabá, que a fé em Deus, que o trabalho sério, que a honestidade, que a correta aplicação do dinheiro público, é capaz sim, de transformar as realidades e construir um Estado que o PDT, e que todo o homem de bem acredita e sonha. Juntos nós faremos”, afirmou.

Em resposta, ao convite, o ex-prefeito de Lucas brincou, insinuando que naquele momento sentia-se como um noivo sendo pedido em casamento.

“Eu estou me sentindo um noivo. Eu vou pedir a vocês que são responsáveis por isso, especialmente ao Zeca [deputado estadual], que foi o líder que trouxe esse rebanho até aqui, se autorizam e vão se sentir representado por mim. Eu queria saber de vocês, vão?”, disse Pivetta que foi ovacionado pelos presentes no local, em resposta à sua pergunta.

Agora com a chapa formada, com Pivetta como vice, Jaime Campos (DEM) e Carlos Fávaro (PDT), para senadores, Mauro afirmou que se sente aliviado por encerrar a fase de convenções.

Fonte:Midia News/da Redação.