Embrapa, Acrimat e Acrinorte divulgam resultados de pesquisa

Embrapa, Acrimat e Acrinorte divulgam resultados de pesquisa

Na próxima quarta-feira, dia 20, a Embrapa, a Acrimat e a Acrinorte reunirão pecuaristas associados e imprensa para divulgar os resultados do segundo ano de avaliação da pecuária de corte em sistema de integração lavoura-pecuária-floresta. O evento de apresentação dos dados terá início às 10h, na Embrapa Agrossilvipastoril, em Sinop (MT).

Os dados que serão apresentados mostram o desempenho animal em quatro diferentes sistemas produtivos: pecuária exclusiva, integração lavoura-pecuária (ILP), integração pecuária-floresta (IPF) e integração lavoura-pecuária floresta (ILPF).

O trabalho vem sendo realizado há dois anos pela equipe da Embrapa Agrossilvipastoril em parceria com a Acrimat, com financiamento de parte do custeio do experimento, e com a Acrinorte, que fornece o gado para o experimento.

No primeiro ano de avaliação, de jul/2015 a jul/2016, os resultados já foram animadores, com a produção de 29 a 32 arrobas por hectare em área de ILPF, enquanto a média de Mato Grosso é de 4 arrobas por hectare e a média nacional é de 6 arrobas por hectare.

Dados preliminares indicam que os números obtidos no segundo ano de avaliação, jul/2016 a jul/2017, são ainda maiores. Desta vez, o trabalho foi feito aumentando a entrada de adubo e a suplementação dos animais.

A apresentação dos números será feita pelo pesquisador da Embrapa Bruno Pedreira. Na oportunidade ele explicará os dados e a metodologia de pesquisa utilizada.

Como o evento também marcará o encerramento dessa etapa da parceria com a Acrimat, a apresentação fará uma abordagem geral das pesquisas feitas durante os dois anos.

A parceria com a Acrinorte foi renovada por mais dois anos e seguirá até 2019.

Serviço:

Apresentação de resultados do segundo ano de avaliação da pecuária de corte em ILPF
Quarta-feira, 20 de setembro, 10h*
Embrapa Agrossilvipastoril – Rod. MT 222, km 2,5 – Sinop-MT
Público: Pecuaristas associados da Acrimat e Acrinorte e imprensa.

Por Gabriel Faria/Assessoria.